Artigos
Compartilhar
Informativo Anamages - 24/05/2013

Portaria 001/2013

 

O Dr. Antonio Sbano, Presidente da Anamages, no uso de suas atribuições e considerando a necessidade de otimizar a representação nos Estados,

 

RESOLVE

 

nomear para exercer o cargo de Conselheiro Estadual Adjunto, no Estado de Pernambuco, a Exma. Sra. Juíza de Direito, Fabíola Michele Muniz Mendes Freire de Moura, a partir desta data.

 

Dê-se ciência e cumpra-se

 

Brasília, 23 de maio de 2.013

 

Antonio Sbano - Presidente da Anamages

 

Evento


O evento será transmitido online e em tempo real através do nosso site.

 

Magistrados de todo o País poderão concorrer a vagas para CNJ e CNMP

 

Os ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) formalizaram, em sessão administrativa realizada na noite de hoje (22), o processo de escolha dos magistrados a serem indicados pela Corte daqui por diante para compor os Conselhos Nacional de Justiça (CNJ) e Nacional do Ministério Público (CNMP). A partir de agora, magistrados de todo o País poderão se candidatar aos cargos, enviando seus currículos ao STF.

 

Os nomes dos interessados serão submetidos à votação dos ministros em sessão administrativa aberta ao público, e os indicados deverão ser aqueles que alcançarem maioria absoluta dos votos. Também foi definido que os integrantes da Corte poderão apresentar nomes para apreciação do colegiado, que estarão sujeitos aos mesmos critérios de escolha. Em caso de empate, será escolhido o candidato mais idoso. Caso algum ministro não esteja presente à sessão administrativa, poderá enviar seu voto por escrito (sobrecarta).

 

Caberá ao presidente do STF fixar a data para início do processo de escolha e a informação será publicada no Diário da Justiça Eletrônico (DJE). A partir dessa data, os interessados terão 10 dias para envio de seus currículos. Tribunais de todo o País serão chamados a colaborar na divulgação do processo. As normas de escolha foram apresentadas pela ministra Rosa Weber, em colaboração com a Presidência do STF, e aprovadas na sessão de hoje. A resolução com as normas deverá ser publicada oficialmente nos próximos dias no DJE.

 

O CNJ é composto por 15 membros, com mandatos de dois anos, sendo admitida uma recondução; é presidido pelo presidente do STF, mas também cabe à Corte indicar um desembargador de Tribunal de Justiça (TJ) e um juiz estadual (de primeira instância). Já o CNMP é composto por 14 membros e presidido pelo procurador-geral da República, cabendo ao STF indicar um dos dois juízes que o integram (o segundo juiz é indicado pelo Superior Tribunal de Justiça).

 

Leia outras notícias

 

 

AP 470: julgamento de embargos será comunicado com 10 dias de antecedência

 

Por sugestão do decano do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Celso de Mello, o presidente da Corte, ministro Joaquim Barbosa, que é relator da Ação Penal (AP) 470, concordou em comunicar aos ministros com dez dias de antecedência qual será a data do julgamento dos embargos de declaração apresentados pelos 25 réus condenados no mensalão. Após a sessão, o presidente …

 

 

 

 

Luiz Fux é reeleito ministro substituto do TSE

 

O Plenário do Supremo Tribunal Federal (STF) elegeu nesta quinta-feira (23) o ministro Luiz Fux como ministro substituto para cumprir o segundo biênio no Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Escolhido para ocupar o cargo pela primeira vez em abril de 2011, o ministro cumpriu seu primeiro biênio neste mês e, por essa razão, foi necessária uma nova eleição para reconduzi-lo à …

 

 

 

 

Lei potiguar sobre o uso de veículos apreendidos é inconstitucional, decide STF

 

Por votação unânime, o Plenário do Supremo Tribunal Federal (STF) declarou, nesta quinta-feira (23), a inconstitucionalidade da Lei 8.493/2004, do Rio Grande do Norte, que determina o uso, em serviços de inteligência, a critério da Secretaria de Defesa Social, “dos carros particulares apreendidos, que se encontrem nos pátios das delegacias e no Detran, e que foram notificados há mais de 90 …

 

 

 

 

Terminam nesta sexta inscrições para audiência sobre financiamento de campanhas

 

Encerra-se nesta sexta-feira (24), às 20 horas, o prazo para inscrição de expositores na audiência pública convocada pelo ministro Luiz Fux, do Supremo Tribunal Federal, com o objetivo de debater o financiamento público de campanhas eleitorais. O tema será analisado na Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI) 4650, relatada pelo ministro Fux. A audiência pública, que será realizada nos dias 17 e 24 de junho, visa discutir o assunto com …

 

 

 

 

Corregedoria de Belém promove ação para estimular a adoção

 

A Corregedoria da Região Metropolitana de Belém e a Comissão Estadual Judiciária de Adoção Internacional (Cejai), em parceria com as Varas da Infância e da Juventude, Ministério Público e Coordenadoria Estadual da Infância e da Juventude (Ceij), realizam neste sábado (25/5) ação conjunta para celebrar o Dia Nacional da Adoção. O evento começará às 9h, na praça Batista Campos. O …

 

 

 

 

Rede contra violência doméstica no MT atende vítima e agressor

 

A implantação da Rede de Enfrentamento da Violência Doméstica contra a Mulher mudará a realidade das vítimas e agressores dos municípios mato-grossenses de Barra do Garças e Pontal do Araguaia (510 km a leste e a 512 km ao sul de Cuiabá, respectivamente). O atendimento passa a ser focado não só na punição do agressor, mas também na identificação do …

 

 

 

 

CGJ-MA abrirá inscrições para casamento comunitário em São Luís

 

Motivada pela alta procura pelo casamento comunitário em São Luís, a Corregedoria Geral da Justiça do Maranhão (CCJ-MA) abrirá, novamente, as inscrições para a cerimônia, que ainda terá data e local definidos. As inscrições serão feitas de 3 a 7 de junho, das 14h às 17h, na sede do órgão mediante agendamento prévio feito exclusivamente por telefone. “Nosso objetivo é …

 

 

 

 

CNJ pede responsabilização pelo desperdício de recursos federais para presídios

 

O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) pediu ao Ministério Público a responsabilização das autoridades ligadas ao desperdício de recursos federais destinados à construção ou reforma de unidades prisionais em 11 estados. Segundo o Departamento Penitenciário Nacional do Ministério da Justiça (Depen/MJ), 39 contratos foram cancelados ou encerrados desde 2011. O montante de recursos devolvidos ao órgão por falta de uso …

 

 

 

 

Justiça do DF deve julgar suposto crime ambiental às margens do lago Paranoá

 

A Terceira Seção do Superior Tribunal de Justiça (STJ) declarou a 7ª Vara Criminal de Brasília competente para julgar uma causa fundada em suposto crime ambiental, tendo por base a construção de muros de arrimo, píer e quiosque às margens do lago Paranoá. O juízo do Distrito Federal havia declinado de sua competência por ser a área investigada supostamente de …

 

 

 

 

STJ julgará divergência sobre prescrição de revisão de aposentadoria de servidor público

 

O ministro Arnaldo Esteves Lima, da Primeira Seção do Superior Tribunal de Justiça (STJ), admitiu o processamento de incidente de uniformização de lei federal apresentado pela União contra decisão da Turma Nacional de Uniformização de Jurisprudência dos Juizados Especiais Federais (TNU), que não reconheceu a prescrição de ação de revisão de aposentadoria ajuizada por servidor público. O segurado se aposentou …

 

 

 

 

Mantida suspensão de fiscal que certificou para exportação carne com restrições sanitárias

 

Um fiscal federal agropecuário, suspenso por 30 dias por omitir-se e certificar para exportação carne com origem em áreas com restrições sanitárias, não conseguiu reverter a penalidade. A decisão foi da Terceira Seção do Superior Tribunal de Justiça (STJ). Pelo processo administrativo, ao se omitir ele teria permitido que a Friboi Ltda. exportasse para a Rússia carne com origem em …

 

 

 

 

Comissão de juristas começa a votar temas para anteprojeto da nova Lei de Arbitragem

 

A comissão de juristas encarregada de elaborar anteprojeto para uma nova Lei de Arbitragem e Mediação, sob a presidência do ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ) Luis Felipe Salomão, reúne-se nesta sexta-feira (24), a partir das 9h, na sala 2 da Ala Nilo Coelho, no Senado Federal. O objetivo do encontro é dar início à fase de votação dos …

 

 

 

 

Assédio sexual de professor contra alunas da rede pública é ato de improbidade

 

A Segunda Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ) manteve decisão do Tribunal de Justiça de Santa Catarina (TJSC) que decretou a perda do cargo de um professor da rede pública de ensino por ato de improbidade. Ele foi acusado de assediar sexualmente diversas de suas alunas, em troca de boas notas na disciplina de matemática. Na ação de improbidade, …