Artigos
Compartilhar
'Resgatando a Cidadania' é realizado na Penitenciária Feminina

A Secretaria de Justiça, em parceria com a Secretaria de Segurança Pública, Secretaria de Assistência Social e Cidadania (SASC), Junta Militar, Instituto Nacional de Seguro Social (INSS), Secretaria do Trabalho, Renda e Empreendedorismo, Sistema Nacional de Emprego (SINE) e a Defensoria Pública realizaram nesta terça-feira (29), na Penitenciária Feminina, a IV etapa do Projeto “Resgatando a Cidadania”.

O projeto tem como objetivo fornecer a documentação civil aos detentos do sistema penitenciário piauiense, garantindo, dessa forma, acesso aos seus direitos básicos.

Durante todo o dia, as 98 detentas da Penitenciária Feminina foram atendidas pelos representantes dos órgãos que fizeram parceria com a Secretaria de Justiça. Elas puderam tirar carteira de identidade, carteira de trabalho, certidão de nascimento, além de obterem informações sobre o programa Bolsa Família e Seguridade Social. No final da ação foram realizados 167 atendimentos.

As internas mostraram-se satisfeita com o atendimento. Antônia Barroso disse que teve a oportunidade de tirar sua carteira de trabalho e com os cursos que fez em 2011, graças a oportunidade oferecida pela Secretaria de Justiça, em parceria com o SENAR e outros órgãos, terá oportunidade de trabalho após cumprir a pena.

O secretário de Justiça, Henrique Rebêllo, antes da assinatura da parceria, relatou os cursos profissionalizantes desenvolvidos na penitenciária. “Após o curso de Corte e Costura, nossa meta agora é manter uma fábrica de confecções, dando oportunidade de trabalho para as detentas que fizeram o curso, pois além de poder fazer o fardamento próprio e de outros detentos, elas poderão produzir peças para venda”, destacou o secretário.

O promotor de Justiça, João Benigno Filho, explicou que na época em que foi chefe de gabinete da Secretaria de Justiça, não existia a estrutura que existe hoje na Penitenciária Feminina e parabenizou o trabalho de Henrique Rebêllo.

O gerente do INSS, Carlos Augusto, chamou atenção para o êxito da parceria na realização do “Resgatando a Cidadania”, pois deseja que a mesma continue.

Após a solenidade o secretário Henrique Rebêllo, o gerente executivo do INSS, Carlos Augusto da Silva Viana, o diretor do SINE, Ubirani de Sousa Rocha e a representante da Junta Militar, Capitã Elisamar Ferreira assinaram o Termo de Cooperação Conjunta para continuarem o projeto “Resgatando a Cidadania”, que em 2012 irá percorrer os presídios do interior do Estado.

 

Fonte: http://180graus.com